CUIDADOS

Seu gato está com vermes?

Cada vez mais comum entre os gatos, os vermes podem levar o animal à morte em poucos dias. Saiba como tratar!

Muito comum em seres humanos, os vermes também podem afetar a saúde dos pets. Poucos tutores sabem, mas esse mal está se tornando cada vez mais comum e pode até matar o animal de estimação.

A solução para evitar que os bichinhos sejam infectados por vermes é simples e prática: a vermifugação. Segundo o médico veterinário, o tipo mais comum de contaminação entre os pets é o contato com as fezes de outros animais. A alimentação e onde os animais vivem também podem ser alvo para a propagação do verme.

O veterinário alerta que ao aparecerem os primeiros sintomas o tutor deve procurar um especialista no assunto para tratar o animal. Assim, o bichinho pode dizer adeus à doença sem sofrimentos.

‘’Estes sintomas são, geralmente, o emagrecimento rápido e a indigestão dos animais’’, conta o médico veterinário.

Após detectada a doença, o tratamento varia de acordo com a gravidade e a quantidade de vermes encontrados no pet. Para prevenir, é importante que o peludo tome a primeira dose da vermifugação logo nos 15 primeiros dias de vida. ‘’A vermifugação ataca diretamente o verme adulto, não atingindo os ovos. Então devemos ficar atentos, pois mesmo sendo comuns, os vermes não deixam de ser perigosos e a evolução é rápida, podendo causar a morte”, explica o profissional.

TIPOS DE VERMES 

A lombrigas são os vermes mais comuns entre os gatos e não afetam apenas os filhotes. Se não tratada a tempo, uma infestação grave pode causar a morte por obstrução intestinal. O verme chicote, mais encontrado em cães, são parasitas difíceis de analisar. Para esse mal, o principal sintoma é a perda de peso crônica.

Já a tênia se manifesta quando cães e gatos ingerem pulgas. Essa contaminação pode ser destruída com vermífugos comuns. Por último, mas não menos importante, destacamos os ancilostomos. Esses vermes são muito pequenos, finos e se prendem a parede do intestino delgado para sugar o sangue dos tecidos.

Para todos os casos, vale procurar um especialista no assunto. Assim, o pet pode ser tratado da forma certa e se livrar dos vermes sem grandes problemas.

 

Fonte: O Povo