NOTÍCIAS

Xô, calazar!

O Nordeste é região endêmica de leishmaniose visceral, também conhecida como calazar. No Ceará, os casos de leishmaniose visceral em humanos foram notificados pela primeira vez ainda na década de 30.

 

Fique por dentro

A leishmaniose é causada por um protozoário e tem o flebótomo ou mosquito palha, como agente transmissor do calazar. A doença atinge o cão e o homem. O inseto transmissor do calazar, Lutzomia longipalpis, procria em terra e em terrenos sujos com muito lixo. As matas úmidas, margens de rios e locais com matéria orgânica são os locais onde o inseto coloca seus ovos.

 

O seu papel é fundamental!

É importante que você cuide do lixo de casa mantendo o quintal sempre limpo, livre de fezes, folhas e frutas em decomposição. Recolher todo esse material e garantir sua adequada coleta pela Prefeitura também faz parte das medidas preventivas. Não jogue lixo nas ruas ou a céu aberto. No lixo e na matéria orgânica o inseto encontra o ambiente propício para se proliferar. A população deve manter seus animais dentro de casa, não esquecendo de aplicar as vacinas.

______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

Fonte: https://www20.opovo.com.br/app/colunas/eobicho/2012/08/11/noticiaseobicho,2896695/xo-calazar.shtml